quinta-feira, fevereiro 23, 2012

Eu queria ser uma pessoa a moda antiga...

Outro dia foi uma pessoa la em casa. Nada do que estao pensando. Foi la pra eu dar uma força a um problema dela mesmo. Como ja era tarde, eu estava com fome e ela tambem, resolvi fazer um jantar.

Evidentemente, coloquei uma bela mesa. Com pratos, talheres, copos, agua, refrigerante, descansinho de panela, pegadores, essa "viadagem" toda. E a pessoa me perguntou "voce deve ser de uma familia tradicional" e eu disse "Infelizmente nao".

Familias "tradicionais" vivem cheios de pequenas frescuras. É pijama pra dormir, colher/garfo/faca pra comer, almoço a mesa com todos os presentes, TV desligada na hora do almoço, essas coisas que fazem da vida mediocre uma vida um pouco menos mediocre. Sao regrinhas de etiqueta e convivencia que, se analisadas a fundo, trazem um pouco de brilho, proximidade e qualidade de vida a todos que as seguem.

Infelizmente, nao venho de uma familia com todas essas "frescuras"

Mas como tento sempre ser um homem melhor do que sou, mesmo nao conseguindo, eu me esforço para adquirir bons habitos e - com muita dificuldade, porque nao é facil adquirir bons costumes - me tornar realmente um homem melhor do que eu sou.

Quem sabe um dia eu consiga uma companheira que mereça isso tudo? Porque ultimamente ta osso...Nunca imaginei que São Paulo tivesse as mulheres mais doidas do planeta...Ô saudade do Espirito Santo, onde as mulheres eram educadas, carinhosas, fieis e queriam um casamento duradouro...Mas isso é assunto pra outro post :o)

Nenhum comentário: