terça-feira, abril 01, 2014

A natual ordem dos tratores que altera o viaduto

Ola pessoal!

Hoje eu estava lendo o blog da Quinn Dunki e seu novo pinball :D Curti pacas!

http://quinndunki.com/blondihacks/


Pra quem nao sabe, eu ja tive - ao mesmo tempo - 11 pinballs em minha casa. Faz tempo, mas eu tinha. Xeu ver se acho uma fotim aqui...Nao tem de todas, mas tem das 4 que eu mais gostava no meu "salao de jogos":


Legal, né? Tem ai uma Zarza, Titan, cosmic e Rally. A primeira veio restaurada do saudoso Batalha, o resto eu mesmo fui restaurando. A Rally, a maquina mais a direita, eu fui buscar em Brasilia. De onibus. Serio, nao é primeiro de abril nao. Tao duvidando? Fotinho :)


Piada: O cara da rodoviaria perguntou "o que é isso que parece um caixão?" e eu respondi "Ë meu tio. Bem, pelo menos era...". Deu ruim, viu :) Mas depois de duas horas, pagando uma fortuna de excesso de bagagem, eu consegui embarcar com a bicha. Sempre quis ter uma Rally :D 

Ok, piadas a parte, voltemos ao assunto serio

Eu tenho um bocado de computadores antigos. Pinball nao tenho mais, uma pena, mas tenho um arcade com multijogos. E tenho um bocado de ferramentas e brinquedos. E um carro velho. E eu estou errado. 

Errado?!

Quando eu tive essa cacetada de pinballs, um dia eu tive que me mudar pra uma casa muito menor do que o palacio que eu morava (de aluguel). Tive que vender tudo, a toque de caixa, pra tristeza e desespero meu. Serio. Só levei uma maquina, a Bally Hoo, que mesmo assim ficou num lugar ruim pacas na casa MINUSCULA que eu fui morar. 

Onde ta o erro nessa historia? Chama-se "Casa Propria"

Na declaracao de direitos universais do homem, o primeiro item deveria ser "Casa Propria". E nao é qualquer casa nao. Todo mundo teria que ter direito a ter um terreno de 20 x 30 no minimo, com um quarto-sala-cozinha-banheiro no fundo. E aulas de marcenaria e alvenaria. Toda pessoa deveria ter direito a ter sua casinha, pra ter pra onde voltar e por la ficar ao fim do dia. E sem uma casinha, nao da pra ter 11 pinballs, 140 micros antigos e uma colecao de automoveis. 

Se voce bota o carro na frente dos bois, voce entra na situacao que eu vivo hoje em dia: Moro de aluguel, e entupi a casa de troços. O que acontece se eu tiver que mudar pra uma casa miudinha? Nem queiram pensar. Been There, Done That.

Eu ja estou no "fim" da vida. Faço 40 dia 24 de maio (quero presentes, pode ser via paypal... alexandre.tabajara@gmail.com heheheheheh :oD) e ja nao tenho tantas facilidades assim pra comprar um imovel. Afinal, tudo na vida eu fiz errado, do inicio ate o fim. Mas voce que está comecando a vida, e acha que é legal comprar um BMW logo de cara pra tirar onda, usar roupas caras e relogios de preços astronomicos...Pensa em antes de qualquer coisa, comprar um pequeno imovel. Por menor que seja, mas com possibilidade de expansao. Nao acontece da noite pro dia. Pode levar anos! Mas um dia, voce vai ter onde sentar e dizer "daqui de dentro, minhas coisas nao saem!" e ai sim, voce poderá ter 11 pinballs, 140 computadores antigos, uma colecao de automoveis e uma marcenaria completa...sem se preocupar com a maldita mudança :) 

Uma hora eu vou procurar um consultor da caixa economica e fazer uma entrevista detalhada sobre como um ferrado como eu pode comprar uma casa financiada, ai coloco aqui pra voces verem :o) 

4 comentários:

Voyage disse...

Cara, eu nunca tive nenhum Pinball, mas tenho uma história pra contar. Essa Titã aí me fez relembrar... Obrigado. Vou ver se escrevo qualquer dia destes sobre o assunto.

Eduardo disse...

Eh vei, eu presenciei a maioria desses momentos que voce falou, e sim realmente rola fazer isso quando tiver estavel mesmo. Mas cara, eu te falo uma coisa, era muito irado ir na sua casa...

Luciano disse...

É... taba... mas bota a mão pro céu que você já está beeeem melhor de quando veio do ES pra SP, lembra? Eu lembro!

marcelo mota disse...

Agora vc imagina morar num apartamento e querer ter essas porra tudo e não ter como hauhauahau....sobrou o terraço da casa dos pais pra entulhar, esperando que um dia possa ser amigo do rei (parságada)