domingo, fevereiro 24, 2008

Um foco de luz

Tomo a liberdade de reproduzir a mensagem do Wagner Lipinhaski, la da Piclist-BR. É leitura obrigatoria na minha opiniao.

E enquanto isso, o pessoal enche a cara no boteco em frente a minha casa, ouvindo pela 200tesima vez o hino do flamengo (é serio!) e enchendo a cara...

----- Original Message -----
From: "Wagner Lipnharski"
To: <piclistbr>
Sent: Sunday, February 24, 2008 6:59 PM
Subject: [piclistbr] [OT] Ah, mas tudo que é facil já foi inventado...

Pois é,

Por que tudo já foi inventado e já foi resolvido, quero dizer, as coisas
mais fáceis, e agora que chegou minha vez só tem coisa complicada e que
requer muito investimento, muito equipamento e muita ciência para "chegar
lá"... ?

Veja só, o fonógrafo por exemplo, é uma coisa super simples, puxa vida,
escavar uma vibração sonora num filme de chumbo ou de resina, isso é por
demais simples, se eu estivesse lá na época teria feito isso antes dele...

O telefone? coisa ridícula, não é mesmo? puxa, um transdutorzinho feito com
uma bobininha, um imã e um cone acustico para gerar o som, eu já teria feito
mesmo um alto-falante bacana, desses de I-Pod logo... e o microfone então?
existem tantas maneiras de modular a resistencia de materiais, não é mesmo?
eu já teria feito um telefone joiinha-joiinha.

Microsoft? putz, os caras tiveram a chances e a sorte de estar no lugar
certo na hora certa, bem quando surgiram os primeiros PCs e precisava alguém
para escrever os softwares... sortudos!!!! agora? agora? agora não dá mais
tempo, já tem inumeras empresas gigantescas e riquíssimas fazendo isso, como
é que eu vou competir com eles? heim? heim?

Acordando para a realidade, não é bem assim não. O que acontece é que ELES
simplesmente foram e fizeram aquilo que ninguém havia pensado, ou mesmo que
já pensado foi considerado difícil, complicado e de pouco sucesso. Vocês
acham que foi só BELL a pensar num telefone? em alguma coisa eu permitisse
falar à distância? e mesmo usando fios elétricos e eletricidade? claro que
não. Energia elétrica é conhecida desde a época dos Egipcios, mas foi BELL
quem colocou isso em prática, ele teve a paciência, o tempo, perseverança,
dinheiro, sei lá o que mais, e chegou no que chegou. Ninguém, repito,
NINGUÉM foi sorteado com a única chance de ser o escolhido a inventar algo,
se tornar famoso, rico, sei lá quais são os sonhos de cada um. Quem o fêz
simplesmente seguiu o sonho, apanhou mas sucedeu.

Quer um exemplo? hoje mesmo, quanta coisa está faltando? Muitos acham que a
tecnologia já resolveu 99% dos problemas, e que agora só os ricos e enormes
tem condições de continuar a descobrir algo e inventar o futuro, mas essa
mesma tecnologia é que permite os também pobres e desamparados de
equipamento e ciência a também suceder em novas descobertas e invenções.
Antigamente sem tecnologia, principalmente a de comunicação, impedia do
desamparado ser informado, saber das coisas, entender, aprender, discutir
com pessoas do outro lado do mundo. Hoje a coisa é ampla, o mundo é pequeno
e realmente cabe na palma da mão. Só não vai quem não quer. Ah, mas eu não
falo mandarim, como vou trocar figurinhas com um técnico chinez? ué?
aprende... tú acha que vai passar a vida inteira só falando português e vai
morrer aí no bairro que nasceu? tú vai esperar alguém descer do céu para te
promover a estudande de mandarim ? inglês ? e te impor esses objetivos de
vida ? tú acha que é dificil fazer algo assim ? espera e verá como a vida
será mais dicífil sem faze-los...

Ok, exemplos? Ambiente tridimensional para multimedia. oqueeeee???? putz,
com tanta tecnologia existente o pessoal rebola e não sai do lugar, quem
serei eu a conseguir montar uma sala onde se pode ver tudo em 3D ? quem é
você??? talvez o cara que faça isso uma realidade!!! Nem todo inventor ou
pesquisador é abonado, rico e tem dinheiro ou equipamento à disposição...
todos somos iguais do ponto de vista de ter uma cabeça, inteligência, visão
e percepção. O que diferencia uns dos outros é exatamente essa coisa
chamada "motivação". O que faz um camaradinha pegar um livro de instruction
set de qualquer microcontrolador que ainda desconhece, livro com 900
páginas, sentar no sofá num domingo após o almoço ler pelo menos 500 páginas
antes do jantar? simples, foi aquele cara que tinha motivação suficiente
para deixar de lado o jogão do "parmera" ou o super-show do faustão, e
RESOLVEU investir no seu proprio cérebro, de graça, a troco do mesmo ar e
comida que gastaria para assistir o faustão no domingão. Essa motivação
existe em todos nós, só basta dar início na faísca que incendiará o tal
combustível. O que move um inbecíl ao bar para encher a cara de cachaça? O
que move o doidinho sobre uma mesa entupida de papel, ferro de soldar,
parafusos, etc? Ambiente Tridimensional para Multimedia SIM SENHOR !!!
está faltando no mercado, se tornou meio que difícil para muitos e meio que
foi abandonado. Concorda que alguém sairá com isso funcionando mais cedo ou
mais tarde??? As atuais TV de plasma começaram com um tubo mixuruca de
raios catódigos redondo, em cinza claro e cinza escuro na década de 1940, e
pasme, foi inicialmente usado em radares experimentais alemães na WWII .

Outro exemplo? Reciclagem de Lixo... mas espera aí... por que me preocupar
em RECICLAR o lixo... por que não me preocupar em EVITAR que exista
lixo...? Mas como? A primeira pergunta a fazer é "O que É LIXO"? Lixo é
tudo aquilo que não queremos mais, ou o subproduto da nossa existência. Em
teoria o único lixo impossível de eliminar é o resultado do subproduto do
nosso corpo, o resto... totalmente possível. É só olhar na lixeira e tentar
entender como é que aquilo tudo poderia ser evitado.

Outro? existem tantos... Olhe em volta, pense, saia da caixa, suba no
telhado, veja de cima. Tem muita coisa a fazer, coisas que estão
esquecidas, abandonadas, por falta de motivação, por motivo de que outras
coisas deram mais dinheiro a quem iniciou o pensamento. Tudo aquilo que
existe alí no cantinho da cabeça como possibilidade, mas que é difícil de
fazer (a princípio), é um excelente candidato.

Energia eletromagnética... ah, dá para armazenar? dá para transportar? dá
para armazenar um montão? um montão de um montão?

Energia elétrica proveniente de descarga atmosférica? mesmas perguntas...

Segurança da Rua, do Bairro, da Escola, do Prédio... será que dá
para organizarmos e limpar o local onde moramos, trabalhamos, etc? Será que
dá para evitar que drogas, bandidos, malucos e bebados invadam o nosso
espaço? é difícil? meu, mais difícil é nascer, e acredite, todos nós
nascemos um dia.

Soluções arquitetônicas nunca serão de mais, soluções de transporte, de
alimentação, de limpeza, de educação, jardinagem, saúde, conforto, paz e até
mesmo espirituais.

Hoje existem tantos inventores que ninguém mais nem se dá conta de publicar
ou anunciar. Invenções como telefone, rádio, lampada, etc, eram anunciadas
porque poucos o faziam. Todo mundo sabe que foi Edison a inventar a
lampada, mas pouquíssimos sabem quem inventou a fluorescente, qual foi mais
importante? será que o nome do inventor da fluorescente não merecia ser um
tiquinho mais conhecido??? Quem inventou a primeira impressora laser? ou
vamos mais fundo, quem inventou a copiadora eletrostática? sabe quem?
pessoas como você e eu.

Você tem uma coisa em cima do pescoço e é só para segurar as orelhas
afastadas.

Sabe como começar? diariamente anote pelo menos 5 idéias ou coisas que você
sente falta, dificuldade ou desconforto. No final do mes, releia tudo,
separe por áreas, separe também coisas que potencialmente você faria se
tivesse suporte financeiro e outras que até poderia fazer nas horas de
folga. Veja que não é importante que você conclua tal invento ou coisa,
alguém pode seguir seus passos. Lembre da TV.

Eu também me cobro muito nessa área. Por exemplo, por anos me debato com
coisas espalhadas nas gavetas, até sumir uma plaquina de um programador que
eu não achava em lugar algum, virei tudo, caixas, armários, depósito, até
finalmente encontrar no fundo da gaveta do lado direito da mesa. Então
resolví (deu a faísca) em criar simples separadores verticais nas gavetas e
organizar as coisas... usei coroplast, cortei, dobrei, usei cola-quente,
magnífico. Depois de 6 meses parece que as gavetas sempre foram assim,
práticas, funcionais... por que eu não havia pensado nisso antes? falta de
motivação? na verdade acordei quando perdí 20 dias procurando algo que
estava à mão.

http://www.plastkut.com/
http://www.professionalplastics.com/COROPLASTSHEET


Criatividade é funcional. Imaginação identifica inteligência. Nós somos
seres inteligentes.

Se você criou ou planejou criar algo a fim de facilitar sua vida, seu
dia-a-dia, ferramentas, procedimentos, etc, sinta-se convidado a posta-los
aqui, tenho certeza de que alguém na lista ou fora dela também será
beneficiado. Lembrar que por exemplo o Alexandre já postou coisas como
Bancada de Trabalho usando "porta comum" comprada em loja de material de
construção, caixa plástica embalagem vazia de CDs para guardar pequenos
rolos de fios elétricos, etc. São idéias assim que sempre alguém aproveita,
isso pode não tornar ninguém rico ou famoso, mas cria o vício de pensar,
resolver, criar.

Desde como fabricar suporte de pilhas (não convencional) até como dobrar e
polir acrílico, usar forminhas de gesso para fabricar amortecedores ou
isoladores de cola quente ou de silicone, como usar uma camera simples USB
na função de microscópio de componentes SMD, como soltar copos travados
(hehe), etc.

Vamos usar esse nosso link e dividir praticidade e conforto.

w||p

Nenhum comentário: