quarta-feira, junho 08, 2005

Maconha no cerebro dos outros é refresco

Sim, drogas sao uma droga, mas quando voce é preso.

Escreveu o filho do rei pelé:
“Gostaria que esse meu desabafo servisse de exemplo para que os jovens não trilhassem esse caminho que trilhei. Motivado pela curiosidade de tempos atrás, mais precisamente após ter deixado o futebol profissional, atravessando uma depressão, tornei-me um dependente químico, utilizando-me propriamente de maconha. Cada vez mais tornei-me outra pessoa, diferente daquela que todos conheciam. Não tinha disposição ou controle de meus pensamentos. Tudo na busca de satisfação na droga, na maconha. Nem mesmo meus familiares, pai, mãe, esposa e dois filhos pequenos, foram suficientes para que meu vício fosse abandonado (...) Hoje, no fundo do poço em que me encontro, percebo o quanto errado e danoso é o caminho das drogas. Humildemente reconheço minha situação de dependente e peço ajuda. Que todos que me amam, familiares e fãs, me perdoem por ter em algum momento deixado de ser um bom exemplo.”

Ora pois, dizer isso tudo depois de ter feito merda adoidado é facil, todo drogado quando é pego pela policia vem com esse discurso macio pra facilitar. Perdeu mermao, agora é xilindró.

Eu fico irritado com a demagogia. Parece que tao querendo me fazer de babaca.

Um comentário:

Ricardo disse...

Heheheh! É, você jogou pesado. Mas tb concordo contigo, é demagogia d+, é fácil falar q 'as drogas matam' agora. Agora já foi. E se não pegassem-no, ele diria o mesmo? Duvido.