sábado, novembro 19, 2005

Como lidar com seu filho hacker

Tirado la do forum da outerspace. Eu nao achei muita graça, mas... :o)

---
Como um pai moderno e esclarecido, eu tento me envolver o máximo possível na vida dos meus seis filhos. Eu os encorajo a praticar esportes coletivos. Compareço às suas festas adolescentes para me certificar que não há bebidas ou álcool. Mantenho um olhar paternal nos CDs que eles ouvem, nos programas que eles assistem, nas companhias com as quais andam e nos livros que lêem. Não há como negar que sou um pai moderno. Minhas crianças nunca falharam em me deixar orgulhoso, e posso dizer sem nenhum exagero que possuo a melhor família dos EUA.

Dois anos atrás, minha esposa Carol e eu decidimos que a educação de nossas crianças não seria completa sem uma base de computação moderna. Com este fim, compramos para nossas crianças um novo Compaq, para que com ele aprendessem. As crianças se divertiram muito usando um punhado de programas que compramos, como Adobe Photoshop e Microsoft Word, e minha esposa e eu ficamos satisfeitos que nosso presente foi tão bem recebido. Nosso filho Peter foi o que mais ficou fascinado pelo aparelho, e logo se tornou um profissional em surfar na rede. Quando Peter começou a passar dias inteiros na máquina, me preocupei, mas Carol aconselhou-me a permanecer calmo, que aquilo era apenas uma fase passageira. Estava contente em me curvar à sua experiência como mãe, quando nossa filha mais nova, Cindy, correu pela sala de estar gritando: "Peter é um hacker de computador!"

Como podem imaginar, fiquei estupefato. Um hacker de computador, na minha própria casa! Comecei a monitorar os hábitos de meu filho, para me certificar que Cindy não estava simplesmente contando histórias, como ela se inclina a fazer às vezes.

Após alguns dias de investigação, e de alguma pesquisa sobre hackers de computador, eu confrontei Peter com a prova. Temo dizer que foi a única vez que estive realmente desapontado com uma de minhas crianças. Nós os criamos para ser honestos e ter integridade, e Peter traiu os princípios que tentamos encorajar nele, quando negou veementemente a admitir suas atividades. Suas negativas continuaram por horas, e no final, não tive escolha a não ser banir o uso do computador até que ele estivesse adulto o suficiente para ser responsável por seus atos.

Após passar por esta dificuldade com minha família, fiquei ponderando como poderia ajudar outros em situações similares. Ganhei muito conhecimento nestes poucos dias sobre hackers. É correto que eu forneça então esta informação a outros pais, na esperança de que sejam capazes de dizer se suas crianças estão sendo arrastadas para o mundo dos hackers. Talvez outros pais sejam capazes de direcionar seus filhos para o correto antes que medidas extremas precisem ser empregadas.

Para este fim, decidi publicar os maiores dez sinais de que seu filho é um hacker. Aconselho qualquer pai a ler cuidadosamente esta lista e, se seu filho se enquadra no perfil, tome uma atitude. Um pai inteligente primeiro tentaria usar a razão com seu filho, antes de recorrer à castigos ou mesmo surras. Eu me orgulho de nunca ter precisado surrar uma criança, e espero que este guia ajude outros parentes a colocar um fim no mau comportamento de seus filhos antes que sena necessária uma surra.

1. Seu filho já pediu para trocar de Provedor de Acesso à Internet (ISP)?

A maioria das famílias americanas usa Provedores de Acesso à Internet responsáveis e confiáveis, como a AOL. Estes provedores possuem uma rígida política "anti-hacking", e tomam medidas cuidadosas para que sua experiência na Internet seja agradável, educacional e acima de tudo legal. Se seu filho está se tornando um hacker, um de seus primeiros passos será pedir para trocar de provedor, para um mais amigável com os hackers.

Aconselho aos pais a recusarem este pedido. Uma das razões pela qual seu filho está pedindo para trocar de provedor é para se livrar do filtro de conteúdo de segurança para crianças da AOL. Este filtro é vital para os pais que desejam que seus filhos aproveitem a Internet sem o perigo de expô-lo a conteúdo "adulto". É melhor que permaneçam com a proteção que a AOL dá, do que usar uma proteção caseira. Se seu filho está se tornando um hacker, ele será capaz de desabilitar qualquer solução caseira com facilidade surpreendente, utilizando informação obtida de vários sites de hackers.

2. Você está encontrando programas no computador que não lembra ter instalado?

Seu filho irá provavelmente tentar instalar alguns softwares hacker. Ele pode tentar esconder a sua presença de alguma forma, mas você pode geralmente encontrá-los pela leitura dos programas listados na paleta "Instalar/Remover programas" no seu painel de controle. Softwares hackers populares incluem "Comet Cursor", "Bonzi Buddy" e "Flash". A melhor opção é confrontar seu filho com a prova, e forçá-lo a remover os programas ofensivos. Ele provavelmente tentará instala-los de novo, mas você estará apto a saber, se sua máquina se oferecer para fazer "download" de uma destas aplicações hacker. Se isso acontecer, é hora de ter uma conversa dura com seu filho, e possivelmente considerar puni-lo com um castigo.

3. Seu filho pediu hardware novo?

Hackers de computador são geralmente limitados por hardware convencional. Eles podem pedir placas de vídeo "mais rápidas", discos rígidos maiores, ou mesmo mais memória. Se seu filho começar a pedir estes dispositivos, é possível que tenha uma necessidade legítima, Você deve se assegurar que está comprando hardware legal, confiável, por comprar apenas peças de reposição do fabricante de seu computador.

Se seu filho pedir por um novo "processador" de uma empresa chamada "AMD", é uma causa genuína para alarme. AMD é uma companhia do terceiro-mundo, que produz cópias inferiores de chips Americanos. O trabalho infantil é utilizado extensivamente nos mercados do terceiro-mundo, e eles deliberadamente desabilitam as funções de segurança que os fabricantes de processadores Americanos, como a Intel, utilizam para prevenir a atividade dos hackers. Chips AMD nunca são vendidos em lojas, e você será informado que deve encomendá-los de sites na Internet. Não compre este chip! Este é um pedido do seu filho que você deve recusar, se possui alguma esperança de criá-lo bem!

4. Seu filho lê manuais de hacker?

Se você prestar atenção aos hábitos de leitura de seu filho, como eu, você será capaz de determinar muito sobre suas opiniões e hobbies. Qualquer pai que teve uma filha de 17 anos tentando fugir para um encontro usando maquiagem e perfume está bem ciente do efeito que influências impróprias podem ter em mentes inexperientes.

Há, infelizmente, muitos manuais de hacker disponíveis nas livrarias hoje. Alguns poucos títulos que podem ser encontrados são: "Snow Crash" e "Cryptonomicon", de Neal Stephenson; "Neuromancer", de William Gibson; "Programando com Perl", de Timothy O'Reilly; "Geeks", de Jon Katz; "The Hacker Crackdown", de Bruce Sterling; "Microserfs", de Douglas Coupland; "Hackers", de Steven Levy; e "The Cathedral and the Bazaar", de Eric S. Raymond.

Se você encontrar algum um destes manuais de hacker nas posses de seu filho, confisque-os imediatamente. Você deve também peticionar os vendedores de livros locais para remover esses títulos nas prateleiras. Você pode encontrar alguma resistência no início, mas mesmo vendedores de livros devem se aprovar à pressão da comunidade

5. Quanto tempo seu filho passa no computador por dia?

Se o seu filho e gasta mais do que trinta minutos por dia no computador, ele pode estar usando DOS nos sites de outras pessoas. DOS envolve ganhar acesso ao "prompt de comando" nas máquinas de outras pessoas, e usá-lo para coletar dados vitais de serviços da Internet. Isso pode levar até oito horas. Se seu filho está fazendo isso, ele está quebrando a lei, e você deve pará-lo imediatamente. A política mais segura de limitar o acesso de seu filho ao computador é a um máximo de vinte e cinco minutos por dia.

6. Seu filho usa Quake?

Quake é uma realidade virtual online usada pelos hackers. É um ponto de encontro popular e local de treinamento, onde eles discutem hacking e treinam o uso de várias armas de fogo. Muitos hackers desenvolvem tendências anti-sociais devido a uso deste mundo virtual, e isto pode causar comportamento errático em casa e na escola.

Se o seu filho está usando Quake, você deve faze-lo entender que isto não é aceitável para você. Você deve ter certeza de que todas as armas de fogo na sua casa estão trancadas e possui travas de gatilho instaladas. Você também deve levar essas preocupações ao conhecimento da escola.

7. Seu filho está ficando argumentativo e o indócil em seu comportamento social?

Quando uma criança entra para o mundo eletrônico dos hackers, ela pode ficar desapegada ao mundo real. Ele pode perder a habilidade de controlar suas ações, o julgar o certo e errado no seu comportamento. E isso se manifestará rapidamente na maneira como trata os outros. Aqueles de quem ele discorda rapidamente serão encarados com escárnio, amargura, e mesmo linguagem baixa. Ele pode mesmo ameaçar de violência real ou eletrônica.

Mesmo quando confrontado, seu filho provavelmente encontrará dificuldades em falar do problema com você. Ele provavelmente dirá que não há problema, e que você está imaginando coisas. Ele pode lhe dizer que é você quem tem problemas, e que deveria "se afastar" e "parar de incomodá-lo". Não permita ser enganado. Você é a única chance que seu filho tem, mesmo que ele não entenda que a situação se encontra nele. Continue tentando chegar nele, não importa o quanto ele recue para si mesmo.

8. Seu filho está obsessivo com "Lunix"? (Nota do Tradutor: o cara escreve "Lunix", mesmo, não "Linux".)

BSD, Lunix, Debian e Mandrake são todos versões de um sistema operacional hacker ilegal, inventado por um hacker de computador soviético chamado Linyos Torovoltos, antes dos russos perderem a guerra fria. Ele é baseado em um programa chamado ¿xenix¿, o qual foi escrito pela Microsoft para o Governo dos Estados Unidos. Estes programas são usados pelos hackers para entrar no sistema do computador de outras pessoas e roubar números de cartão de crédito. Eles também podem ser usados para entrar no aparelho de som de outras pessoas e roubar músicas, usando o programa "MP3". Torovoltos é um hacker notório, responsável por escrever muitos programas hacker, como "Telnet", o qual é usado pelos hackers para se conectar em máquinas como Internet sem usar o telefone.

Seu filho pode tentar instalar "Lunix" no seu disco rígido. Se ele for cuidadoso, você pode não notar sua presença, entretanto, lunix é uma besta traiçoeira, e se manuseado incorretamente, seu filho pode danificar seu computador, e mesmo quebra-lo completamente eliminando o Windows, quando você terá de ter o computador reparado por um profissional.

Se você ver a palavra "LILO" durante a inicialização do Windows (após você ligar a máquina), o seu filho instalou lunix. Para se livrar disso, você terá de enviar seu computador de volta para o fabricante, que instalará um novo disco rígido. Lunix é um software extremamente perigoso, e não pode ser removido sem destruir parte da superfície do seu disco rígido.

9. Seu filho mudou radicalmente a aparência?

Se o seu filho passou por uma mudança súbita no seu estilo de vestir, você pode estar com um hacker em suas mãos. Hackers possuem uma tendência a se vestir com cores brilhantes e vivas. Eles podem vestir calças folgadas, camisetas coloridas brilhantes e cabelo pontudo tingido com cores brilhantes para combinar com suas roupas. Eles podem carregar "bastões luminosos" e vestir colares ao redor do pescoço (eu não tenho idéia do porquê deles fazerem isto). Há muitos hackers assim nas escolas hoje em dia, e seu filho pode estar começando a se associar com eles. Se você notar que o grupo de amigos de seu filho inclui pessoas vestidas assim, é hora de pensar em castigo severo, para protegê-lo de influências perigosas.

10. Seu filho está enfrentando dificuldades acadêmicas?

Se seu filho está falhando na escola, ou tendo uma má performance nos esportes coletivos, ele pode estar se envolvendo com um grupo de hackers, como a infame associação hacker "Otaku". Tempo excessivo passado no computador, comunicando-se com os seus companheiros hackers, pode causar danos temporários aos olhos e ao cérebro, pela radiação eletromagnética. Isso causará suas notas caírem dramaticamente, particularmente em assuntos difíceis como matemática e química. Em casos extremos a superexposição à radiação do computador pode causar esquizofrenia, meningite e outras doenças psicológicas. Também, a redução dos exercícios pode causar a perda de massa muscular, e mesmo perda de peso. Pela saúde física e mental de seu filho, você deve pôr um fim à sua atividade de hacker, e limitar drasticamente o seu tempo com o computador.

Eu encorajo todos os pais a ler este guia cuidadosamente. O futuro de seu filho pode depender dele. Hacking é uma atividade ilegal e perigosa, que pode fazer o seu filho parar na prisão, e desfazer sua família. E isso não pode ser desprezado.

3 comentários:

gildo disse...

ahahahaha
que coisa mais sem noção, mas é bom saber que algumas pessoas se preocupam com os filhos, mesmo que, de uma forma ou de outra, com determinante desespero.

Andrei disse...

Aff, o cara que escreveu isso merece morrer!
Não sabe nem o que é um hacker, e desde quando linux é um S.O Hacker Ilegal????????
a pior ameaça para um filho é um PAIaço dese! XD

ewil disse...

Puts, o cara assistiu matrix e se empolgou aehaeuheu! Caralho... linus torovaldus? comé?! o cara não sabe nem o nome certo e nem que o cara é finlandes, e não russo, assim fica dificil levar a sério!